IBAMA RECUSA PEDIDO DA TOTAL PARA EXPLORAR BACIA DO FOZ DO AMAZONAS

Fonte: Petronoticias

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) negou mais uma vez o pedido da francesa Total para explorar os seus blocos na Bacia do Foz do Amazonas. Em um novo parecer divulgado nesta terça-feira (29), o órgão ambiental pediu novos esclarecimentos e informações adicionais à petroleira estrangeira, que arrematou cinco áreas na região durante a 11ª rodada, em maio de 2013.

Os planos da Total na Bacia do Foz do Amazonas têm enfrentado forte resistência por parte de grupos ambientalistas, como o Greenpeace, por conta de possíveis impactos ambientais em um gigantesco recife de corais. A petroleira, no entanto, rebateu as afirmações, dizendo que o poço de exploração previsto no bloco FZA-M-57 estará situado a 34 quilômetros do local onde a ONG teria encontrado recentemente os chamados rodolitos (essenciais na construção de recifes de corais).

Conhecemos apenas 5% da extensão do recife, mas já sabemos que ali vivem pelo menos 73 espécies de peixes, entre outros muitos seres marinhos. Já vimos ali até mesmo espécies ameaçadas de extinção. E tudo indica que os Corais da Amazônia são o lar de espécies de peixes e esponjas-do-mar que não são sequer conhecidas pela Ciência. Inaceitável deixar o petróleo ameaçar tudo isso”, afirma o Greenpeace, em uma petição online que pede o fim do projeto de exploração na área.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *